Você sabe o que a sua TV anda falando de você ?



Sabe aquela Tv bem legal que você vê nas propagandas, aquelas que você fala na frente e elas executam o comando que você quer ou mesmo respondem alguma coisa para você ?

Então, esta notícia é um pouco velha, surgiu em fevereiro deste ano (2015) mas já vem sendo avaliada e questionada já há algum tempo. Pois bem, a própria SAMSUNG emitiu um comunicado afirmando que as suas TV com esta característica podem estar sendo usadas para capturar o áudio do ambiente e este áudio pode estar sendo compartilhado com fabricantes e terceiros. 

Mas como isso é possível ? Bom bem simples para falar a verdade. Para que ela, a TV possa te responder, ou mesmo acionar alguma função dela, ela precisa estar "escutando" constantemente o ambiente, pois só assim ela vai poder reconhecer as palavras chave e assim executar o que o usuário deseja. Pensando nisso, fica fácil de concluir que seria possível que um dos programas instalados na TV possa estar "escutando" tudo o que é falado no ambiente e não somente as palavras chave, e este conteúdo ser transmitido, já que a grande maioria das TVs mais modernas tem conexão com a Internet.

Estas questões sobre a segurança e o uso destas funcionalidade nas TV já foi discutida em outros momentos, e em momentos passados, foi levantado a possibilidade de que as TVs estavam coletando dados de canais e programações sendo vistas pelas famílias, e estes resultados eram compartilhados com empresas de publicidade e TVs por assinatura, para que assim possa ser apresentado a você uma programação mais personalizada.

Tudo seria muito bom se não fosse perigoso.

A SAMSUNG em sua própria política de privacidade descreve que o perigo é real. E pode ser visto em algumas partes do documento, como no exemplo abaixo.


"Please note that when you watch a video or access applications or content provided by a third-party, that provider may collect or receive information about your SmartTV (e.g., its IP address and device identifiers), the requested transaction (e.g., your request to buy or rent the video), and your use of the application or service."

Que em uma tradução be livre e resumida podemos entender como. 

"Por favor, note que quando você estiver vendo um vídeo ou acessando um aplicativo ou algum conteúdo fornecido por um terceiro, este pode estar coletando e ou recebendo informações sobre a sua SmartTV."

Em um outro momento, existe uma indicação de que as pessoas devem ter cuidado com o que estão falando na frente da TV, pois caso o sistema de reconhecimento de voz esteja ativado, pode ser que informações pessoais e privadas estejam sendo gravadas.

Como podemos ver, a chamada Internet das coisas (IoT) vem para trazer ao usuário muito mais comodidade e conforto mas, também pode estar trazendo muito mais preocupação, pois agora você deverá decidir se quer ter a facilidade ou correr o risco de ter seus dados, informações e quem sabe segredos compartilhados.

Estão brotando em toda a Internet informações coletadas por especialistas de segurança, que muitas vezes fazem suas próprias pesquisas em suas casa, sobre estranhos tráfegos de dados entre suas TVs e endereços de servidores na Internet, e muitas vezes este tráfego esta sendo feito de forma criptografado, o que ainda é pior pelo lado do usuário, que não tem nem ideia do que pode estar sendo transmitido, mas que também tem um lado bom, pelo menos quem capturar este tráfego não terá acesso a estes dados.

Sendo assim, nossa sugestão é bastante simples. 

Para você, as funcionalidades das TVs modernas são mais importantes que a sua privacidade ? Caso a resposta seja sim, então esquece tudo isso e seja feliz com a sua TV. Mas caso a sua privacidade seja mais importante, estude melhor o manual da TV, veja com a funcionalidade funciona, e como ela pode ser desativa e se pode ser desativada.

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Gostaria de saber a sua opinião.